☁️

Conhecer IPFS —— A Revolução de Tecnologia de Armazenamento em Nuvem

IPFS (Sistema de Arquivo InterPlanetário)

A Revolução de Tecnologia de Armazenamento em Nuvem

IPFS (Sistema de Arquivo InterPlanetário) é um novo protocolo distribuído de transmissão hipermídia baseado em endereçamento de conteúdo. Visa a fazer a rede mais rápida, mais segura e, mais aberta. IPFS é um sistema distribuído de arquivo , e seu objetivo é conectar todos dispositivos de computação ao mesmo sistema de arquivo para se tornar um sistema global de armazenamento unificado. IPFS tem um objetivo grande e maluco para suplementar (ou até substituir) o protocolo de transferência de hipertexto (HTTP) que atualmente domina o Internet, para se tornar uma nova geração do Internet. Antes de conhecer formalmente sobre IPFS, vamos dar uma olhada na história de desenvolvimento de métodos de armazenamento.

História do desenvolvimento de armazenamento

Se dar uma olhada na história de desenvolvimento de armazenamento, as várias ferramentas de armazenamento que têm aparecido para preservar informação basicamente surgem este caminho evolutivo: se adequam às necessidades de mercado, se tornam cada vez mais convenientes e insensíveis.

Com o nascimento do primeiro computador, o primeiro dispositivo de armazenamento do mundo apareceu. Os disquetes se tornaram a mídia removível iniciais de computadores pessoais. As pessoas só precisam copiar os arquivos necessários para o disquete e encontram um computador com um disquete instalado, então podem ler a informação.

Todavia, com o aparecimento e o rápido desenvolvimento do Internet, unidades flash USB inconvenientes e outros dispositivos gradualmente não podem atender aos requisitos, e a época revolucionária de armazenamento em nuvem já tem alcançado. O armazenamento de dado e conteúdo começou a ser armazenado numa maneira invisível de armazenamento em nuvem. Devido a facilidade de operação, os servidores em nuvem têm começado a se usar por muitas empresas que têm necessidades de armazenamento de dados, e o interno setor de armazenamento em nuvem tem gradualmente desenvolvido. Após mais de dez anos de desenvolvimento, o armazenamento em nuvem tem evoluído de um pequeno mercado a um enorme mercado.

No entanto, o armazenamento em nuvem em si é um produto que altamente depende de serviço. Desde que os usuários usemos os serviços de armazenamento em nuvem, podem existir os problemas causados por aplicações sociais ou online serviços de armazenamento, resultando na perda de dados armazenados. Isto também dou crescimento à geração de armazenamento distribuído. Neste caminho de exploração, a coisa mais considerável é que o projeto de armazenamento, Filecoin se desenvolve com base em IPFS (Sistema de Arquivo Interplanetário). Tenta estimular a operação ao prazo longo de nós através dos três tipos de benefícios de armazenamento, recuperação e recompensas em bloco, e utiliza os contratos inteligentes para realizar os mercados de transação dentro e fora de cadeia de blockchain e as transmissões de dados. Sua ideia é armazenar todos os conteúdos em máquinas distribuídas em todo o mundo, e oferecer recuperação e download quando os usuários precisam ver isso.

O que é IPFS?

O Sistema de Arquivo InterPlanetário (IPFS) é um protocolo e uma P2P rede para armazenar e compartilhar dados num sistema de arquivo distribuído. IPFS usa endereço de conteúdo para identificar de forma única cada arquivo num espaço de nome global conectando todos os dispositivos computação. IPFS foi criado por Juan Benet, quem mais tarde fundou Protocol Labs em Maio de 2014.

Protocol Labs é "um laboratório de pesquisa de código aberto, de desenvolvimento e, de implantação para a tecnologia de blockchain" que "cria sistemas de software que enfrentam desafios significativos" e cujo objetivo é "tornar as ordens de magnitude da existência humana melhores através da tecnologia".

Aplicação e Princípio da Tecnologia IPFS

Uma combinação sutil de protocolo de transferência de HTTP, protocolo de controle de versão Git e protocolo de transferência de BitTorrent

Em essência, IPFS é um protocol de partilha e transferência de arquivo, como HTTP (Protocolo de Transferência de Hipertexto), o qual é um dos protocolos de transferência mais bem-sucedidos e principais no Internet moderno. No entanto, ao contrário de HTTP que surge o modelo de cliente-servidor, IPFS é uma rede distribuída de nós que pode servir e requisitar dados. Em comparação com o protocolo HTTP, IPFS realiza o armazenamento permanente de informação sem manipulação e apagamento, e partilha de recursos.

Para realizar as características mencionadas, a rota de projeto técnica de IPFS integra uma variedade de sistemas distribuídos existentes e tecnologias de armazenamento, e inova com base nisso. A rede IPFS obteve uns atributos a partir dos P2P sistemas distribuídos anteriores, incluindo Tabela hash distribuída, BitTorrent, Git e SFS.

  • Tabela hash distribuída: DHT é um sistema distribuído usado para armazenar e recuperar o " valor de hash" ou o dado associado à chave na rede de nós pares. Cada hash corresponde a uma chave diferente, que fornece as permissões requeridas para acessar a hash. Em DHT, todas as informações são distribuídas de forma uniforme entre nós, e cada nó tem uma igual chance para se selecionar para armazenar os valores de hash e pares de chave.
  • BitTorrent: BitTorrent é um P2P protocolo de partilha de arquivo bem-sucedido. Em 2018, o acordo foi disponível para 4.16% de tráfego global de Internet. IPFS usa o protocolo de troca de dados de BitTorrent para recompensar os nós que contribuem recursos e punem os nós que revelam recursos.
  • Git: O sistema de controle de versão registra as mudanças de arquivos num período de tempo para que os usuários possam acessar as versões específicas a qualquer momento. Git implementa um sistema de controle de versão distribuído que permite um grupo de colaboradores distribuídos rastrear as mudanças feitas em arquivos por várias partes. IPFS implementou este sistema de controle em seu protocolo. Em IPFS, os dados armazenados na rede são divididos em múltiplos fragmentos, e estes fragmentos são salvos por nós na rede. Ao implementar o controle de versão, IPFS garante que estas peças sejam devidamente organizadas e que as mudanças nos arquivos sejam devidamente atualizadas
  • Sistema de arquivo Auto-certificado: SFS é um sistema distribuído de nomes de arquivos. IPFS o utiliza em seu Sistema de Nomes Interplanetário (IPNS). Usando IPNS, os usuários podem gerar endereços verificáveis que se ligam ao conteúdo IPFS.

Modelo econômico —— IPFS e Filecoin

Filecoin é uma camada incentiva funcionando em IPFS. É uma rede de armazenamento distribuído baseada em blockchain. It transforma o armazenamento em nuvem num mercado algorítmico. Os tokens (FIL) representar um personagem importante aqui. Os tokens são uma ponte intermediária entre os usuários de recursos de comunicação (armazenamento e recuperação) (usuários de IPFS) e provedores de recurso (mineiros de Filecoin). O protocolo Filecoin tem dois mercados de negociação: recuperação de dados e armazenamento de dados. Ambos partes da transação entregam suas necessidades no mercado e completam a transação.

IPFS e Filecoin impulsionam um ao outro e resolvem conjuntamente os problemas de armazenamento e distribuição de dados interligados. Especialmente para os inumeráveis projetos de blockchain, IPFS e Filecoin existem como uma infra-estrutura. É por isso que vemos cada vez mais projetos de blockchain adotando IPFS como solução de armazenamento, devido a que fornece uma solução de armazenamento mais barata, mais segura, e integrada rapidamente.

Endereço de conteúdo com IPFS

IPFS é ótimo para começar a usar endereço de conteúdo para todos os tipos de aplicações de web distribuídas. Na maioria destes casos:

  • Dados se fornecem pelos nós próprios de usuário. Serão devem dependem de outros pares para voluntariamente/altruisticamente armazenar dados ou num serviço centralizado de pin.
  • Se devem confiar nos serviços centralizados de pin de IPFS para fazer seu trabalho. IPFS não proporciona as provisões integradas para verificar que o dado se está armazenando e corretamente fornecendo pelo serviço de pin.
  • O conteúdo popular é acessível mais facilmente. O conteúdo popular (com muitos provedores) naturalmente se torna mias rápido e mais simplesmente para recuperar em IPFS, que é ótimo quando há os incentivos externos para sincronizar e armazenar dados em múltiplos nós, e para a situações onde os contratos sociais fortes podem ser usados para garantir que o conteúdo permaneça hospedado e mantido a longo prazo.

Persistência de dados com Filecoin

Filecoin construí no endereço de conteúdo de IPFS para adicionar a persistência de dados a prazo longo usando os incentivos econômicos criptográficos. Com Filecoin:

  • Os clientes fazem acordos de armazenamento com mineiros para armazenar dados. A rede verifica que os mineiros estão corretamente armazenando os dados. Os pagamentos pequenos se fazem numa base regular para a duração do acordo de armazenamento.
  • Os mineiros que não honram o acordo de armazenamento são penalizados.
  • A recuperação de conteúdo se poderia oferecer por mineiros de armazenamento diretamente, ou por mineiros de recuperação determinados. O usuário que está a solicitar dados paga por este serviço.
  • Filecoin é bom em armazenar grandes quantidades de dados por longos períodos de tempo.

Aplicações Ecológicas

image

Audius é uma plataforma de partilha de música e áudio criada para fornecer um link direto de artistas aos seus ouvintes. Usando tecnologia descentralizada, Audius é capaz de garantir os direitos e controles de sua própria música de artistas, e proporcionar uma plataforma resistente à censura para expressão e distribuição de obras e composições artísticas. Para criar uma plataforma operada e possuída por usuários, foi uma chave para ter uma rede de armazenamento em nuvem distribuído como a base do sistema. Audius usa IPFS como o componente central de armazenamento descentralizado em sua missão para dar a liberdade a todos para compartilhar, monetizar e ouvir qualquer áudio.

OpenBazaar é uma P2P plataforma de comércio eletrônico onde os compradores e vendedores podem participar de forma autônoma e privada sem coleção de dados por vendedores ou qualquer outra autoridade central. A plataforma OpenBazaar se desenvolve por OB1.

IPFS serve como a rede de armazenamento de conteúdo para OpenBazaar e Haven. Na rede, os mercadores e compradores podem executar cada um os nós de armazenamento, eliminando a necessidade para qualquer servidor centra. Ao usar IPFS para criar esta rede colaborativa, OpenBazaar permite que os compradores e vendedores negociam sem os riscos de coleção de dados centralizada ou a ameaça de ter suas informações pessoais invadidas..

Morpheus.Network é uma plataforma de serviço SaaS ( software como serviço) de cadeia de suprimento que usa IPFS para armazenamento e recuperação confiáveis, distribuídos, verificáveis de alfândega internacional e documentação de embarque. Para o envio de mercadorias através das fronteiras, é fundamental, funcionalmente e legalmente ter uma documentação verificável e consistentemente acessível para cada embarque. O emprego de IPFS de Morpheus.Network é um exemplo vivo, a nível empresarial de Como IPFS pode armazenar e entregar documentação que satisfaz às exigências rigorosas das autoridades alfandegárias internacionais.

Morpheus.Network usa uma rede privada de nós de armazenamento de documento de IPFS, combinado com o registro de eventos na blockchainEthereum, para garantir que os remetentes, autoridades e destinatários possam recuperar dados de remessa de forma consistente, e para ter certeza de que os documentos usados nas transações de remessa sejam verificados, originais sem adulterações. Como todas as mercadorias enviadas usando a plataforma Morpheus.Network podem ser facilmente associadas à documentação adequada, os usuários podem mover remessas através das fronteiras com menos atrito e maior velocidade. E como toda a documentação é armazenada usando IPFS, não há uma central de dados que contenha (ou possa tornar vulneráveis) detalhes sensíveis de remessa, incluindo informações financeiras ou outras informações pessoalmente identificáveis.

O Valor de IPFS

Em comparação com o protocolo HTTP, IPFS realiza armazenamento permanente de informação sem manipulação e apagamento, e partilha de recursos. IPFS não armazena os arquivos duplicados através de endereço de conteúdo e não guarda espaço de armazenamento. No mesmo tempo, as características distribuídas e o armazenamento encriptado permitem a rede interna evitar os pontos únicos de falha e proporcionar melhores privacidade e segurança.

HTTP é um protocolo frágil, centralizado altamente, ineficiente, e excessivamente dependente da rede de base. Tem deficiências óbvias, tais como:

  • Altamente vulnerável a ataques e altos custos de defesa
  • A velocidade de download é lenta e o custo de armazenamento é alto
  • A centralização dos dados também traz riscos de vazamento
  • Armazenamento de dados em larga escala, difícil de transmitir e manter, e fácil de perder dentro

Em contraste, as vantagens de IPFS se refletem principalmente em quatro aspectos::

  1. Rápida velocidade de download, não mais depende da rede de base, servidor centralizado.

O interno sistema IPFS é um sistema de armazenamento de arquivo distribuído, semelhante a BitTorrent. Ao baixar dados relacionados, serão baixados de múltiplos nós ao mesmo tempo, o que é muito mais rápido do que a velocidade de download de HTTP a partir de um servidor central.

  1. O custo de armazenamento é reduzido.

Desde que IPFS usa tecnologia blockchain, Filecoin é usado para incentivar os mineiros a compartilhar seus próprios discos rígidos, e IFPS remove o armazenamento redundante de toda a rede, o armazenamento IPFS em futuro se tornará mais barato.

  1. Segurança

Os servidores centralizados são atualmente difíceis de resistir a ataques DDoS, e o enorme tráfego pode causar paralisação do servidor a qualquer momento. IPFS é inerentemente capaz de resistir a tais ataques, pois todos os acessos serão distribuídos para diferentes nós.

  1. Persistência de dados

IPFS para endereço de conteúdo e descoberta de dados, e Filecoin para persistência a prazo longo. Para realizar isto, os serviços como Powergate faz o backup de dados na rede Filecoin, ao mesmo tempo em que garantem que o conteúdo seja descoberto em IPFS Public DHT. Os dados estão constantemente disponíveis e podem ser recuperados rapidamente, ao mesmo tempo em que se certificam de que o backup é feito de forma segura e verificável na rede Filecoin ao longo do tempo.

Conclusão

Com o aumento da capacidade de armazenamento, os usuários estarão definitivamente dispostos a buscar soluções mais econômicas e práticas. IPFS é aberto e inclusivo, seja um fornecedor de serviços grande ou pequeno ou um centro de dados líder, pode ser conectado a IPFS em conjunto e reunido para fornecer uma base sólida para o armazenamento de informações humanas. Em suma, o protocolo IPFS deve ser uma forma importante de armazenamento distribuído no futuro. No entanto, quaisquer mudanças não acontecerão da noite para o dia. A curto prazo, é improvável que o armazenamento descentralizado substitua completamente os métodos de armazenamento existentes. A longo prazo, o protocolo IPFS e as novas características têm vantagens significativas sobre HTTP, e a tendência de integração gradual de IPFS e do protocolo HTTP será inevitável.

Referência

💠
https://academy.mexo.io

Tu guía al mundo cripto